Sobre macaca, macaca-de-auditório, macacal, macacão, macacar, macacarecuia, macacaria, macaco, macacoa*, macaco-adufeiro, macaco-aranha, macaco-barrigudo, macaco-cabeludo, macaco-da-meia-noite, macaco-da-noite macaco-de-bando, macaco-de-cheiro, macaco-inglês, macaco-japonês, macaco-narigudo, macaco-patrona, macaco-prego, macaco-prego-do-peito-amarelo e TI.

quinta-feira, dezembro 13, 2007

Post Atrasado: Minas on Rails

Aconteceu o primeiro Minas on Rails, excelente iniciativa do pessoal que com muita garra e pouco dinheiro conseguiram organizar um bom evento em tão curto espaço de tempo. Eu cheguei tarde e perdi todas as palestras da manhã. Queria muito ter assistido a palestra do TaQ e pelo que me falaram eu não teria me arrependido.

Gostei de mais de ver o pessoal da PUC lá: Jânio, Gustavo, Jesus, Davison, Arruda, Pablo e Breno. Até me sinto de certa forma responsável por ter martelado pouco RoR na cabeça desse povo nos últimos dois anos. Vejam um dado inútil: Se o publico total que compareceu ao evento foi de 100 pessoas, então éramos 8% do total, o que é bem expressivo e mostra o interesse do pessoal na plataforma.

Gostei de mais de conhecer pessoalmente o TaQ e o Ronaldo Ferraz. Os caras são minhas referências brasileiras no assunto e além do mais os sujeitos são muito bacanas. Diria até que o papo com os caras estava tão bom que a corrida até confins durou metade do usual.

Melhor do que tudo isso foi mesmo poder encontrar com meu POJO amigo Diogenes. Já tinha uma cara que agente não se encontrava pessoalmente e como sempre conversar com esse sujeito é muito bom!

Das palestras que vi a que mais gostei foi a do Vinicius Telles sobre um case que envolve RoR e XP. O ritmo da palestra foi perfeito e o cara manda muito bem. Ele deu várias dicas de coisas muito simples que são muito bem vindas mesmo para que não segue todas as regras do XP.

Momento surreal do dia: Ao deixarmos o TaQ no embarque em Confis, uma menina(que pelo jeito trabalha lá) pediu carona até BH. Não neguei, afinal voltávamos eu, o Diógenes e o Ronaldo e sobrava um vaga no carro. Não me importo de dar carona, principalmente quando não estou sozinho já que me sinto mais seguro. Na volta embarcamos num papo ultra geek percorrendo uma dúzia de linguagens de programação diferentes, de Smalltalk a IO, passando por Haskell e Prolog. Ao descer do carro ela fez uma confissão, disse que era a primeira vez que ela voltava de carona de Confis sem dizer uma única palavra. Duas coisas pipocaram na minha cabeça depois disso: 1º Como deve ser para uma pessoa normal passar 50 minutos dentro de um carro escutando aquele papo ultra nerd? 2º Será que a mocinha estava acostumada a vim recebendo cantadas no seu trajeto diário e se espantou quando foi completamente ignorada?

Que venha o próximo Minas on Rails.

5 Comments:

At 11:40 AM, Blogger TaQ said...

Uia, finalmente descobri o blog do cara que me deu a carona até o aeroporto! Bicho, muito obrigado, quebrou um galhão!
Gostei demais de conhecer a galera aí de BH, tomara que eu possa voltar brevemente. :-)

 
At 7:22 PM, OpenID diogenesf said...

Huhauhauhauhuaha!

Aquela da garota foi de matar!!
Coitada! Fiquei mesmo com pena dela!

No minimo ela pensou que depois daquilo seria abduzida por alguma nave de nome "Seaside", e que a levariam para um mundo repleto de pilulas alucinogenas, chamadas "DSLs"! :-D

...

Foi muito bom encontrar com voce lah tbem amigao!
Ve se nao some nao...

 
At 9:21 PM, Blogger RodrigoSol said...

TaQ,

Foi um prazer te levar até lá. Quando vier novamente não deixe de avisar pra gente ve se arruma alguma coisa legal por aqui.

Abraços

 
At 9:24 PM, Blogger RodrigoSol said...

Diógenes,

Hahahaha. Foi demais mesmo. Você lembrar que ela ainda tentou dar uma tirada falando assim: "eu não gosto de programação".

Seu comentário das pílulas foi ultra pertinente:

"DSL".reverse

 
At 4:51 PM, OpenID diogenesf said...

Boa! Um bom titulo pro proximo post sobre DSLs!

 

Postar um comentário

<< Home